domingo, janeiro 25, 2009

O lerdo e a lambisgóia - episódio I

por Isadora

Era sábado à noite e Renata e Angela não sabiam pra onde ir.
Renata liga pra uma amiga perguntando uma dica.
Bem... dica ela não tinha, mas tinha um irmão e o melhor amigo dele na sua casa tbem sem saber pra onde ir.

Combinaram de sair, se encontraram na Lapa bem ao gosto dos quatro.
Angela passou o caminho inteiro nervosíssima achando que poderia parecer pros rapazes um encontros às escuras e fez Renata jurar que elas iriam embora caso ela mandasse um torpedo num momento de desespero. Enquanto isso, Renata achava graça do medo de Angela.

Chegaram ao local, se reconheceram pela descrição das roupas. Conversaram pra caramba. Naturalmente surgiu mais afinidade com Renata e Leo, o lerdo em questão.
Desceram pra ver o show que ia começar. O clima rolou solto entre Renata e Leo que se entreolhavam entre uma requebrada e outra dos quadris.

Eis que do nada aparece uma lambisgóia e se pendura no pescoço de Leo. Começam a dançar bem juntinho no som do samba que tocava. Um bocadinho mais, já estavam se atracando aos beijos na pista. Renata ouviu aquele som que toca em programas humorísticos de quando a pessoa se dá mal.

Com uma mega dor de cotovelo, pensou que não poderia ficar pra trás. Andou pra lá e pra cá no meio da pista tentando arrumar qq sujeito que pudesse fazer com que ela não parecesse uma encalhada. Arrumou um sujeito depois de alguns olhares sexys (pelo menos na percepção dela). E percebeu, alguns dias depois quando voltou a sair com o sujeito, que realmente estava MUITO BÊBADA naquele dia.

**** (continua)

3 comentários:

  1. Anônimo7:52 PM

    Cade a continuação??

    ResponderExcluir
  2. Não dou essa sorte!

    ResponderExcluir
  3. Amiga, ri muito com as histórias! Vou acompanhar sempre...
    Beijoss

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário!

 

Solteira no Rio de janeiro